segunda-feira, 20 de abril de 2020

PIZZA FÁCIL À MODA DO PP





Depois de uma pausa de alguns meses, estou de regresso ao CHEFE MÁRIO. É aqui que vou depositando algumas das minhas receitas confecionadas na Toca da Lebre (A minha tertúlia cá de casa. 

Apesar de não ser propriamente um amante das pizzas, quando cozinho não o faço só para mim. O meu filho Pedro Gonçalves (É um adepto desses pratos) e convenceu-me a ensinar-lhe a fazer uma Pizza Fácil. Desde a massa, aos condimentos e a ida ao forno. 

INGREDIENTES: 

1 ovo com clara 

½ colher de sopa de sal 

½ colher de sopa de açúcar 

½ copo de leite

Pimenta 

1 púcaro de farinha (depende do tamanho que quer atingir 

½ colher de fermento para pão 

Polpa de tomate 

Cebola 

Chouriço 

Fiambre 

Queijo 

Coentros 

Natas 

Pimenta 

Cogumelos laminados 

CONFEÇÃO: 

Unta-se o recipiente (metálico ou de vidro) com um pouco de azeite para que ela não agarre ao fundo. O forno é aquecido a 180 graus e a massa deve lá permanecer cerca de 8 a 10 minutos. Como expliquei, depende sempre da altura da massa e/ou do gosto em termos uma base da pizza mais ou menos cozida. A base da pizza deve ser composta da farinha, um pouco de pimenta preta moída na altura, fermento, açúcar, sal, natas, ovo, óleo e leite. Mexer muito bem. Depois de ser retirada do forno, deve-se colocar todos os ingredientes a gosto. Pode começar por untar (a gosto) a base da pizza com polpa de tomate. Muita gente não sabe, mas a polpa de tomate serve também para suster os restantes ingredientes. Poderá começar por colocar cebola às rodelas e pedaços de chouriço. Se optar por esse ingrediente (cebola), convém salteá-lo (com pedacinhos de chouriço) antes de o colocar na pizza. Caso contrário, a cebola não irá cozer. Finalmente, fica ao critério e ao gosto de cada um. Eu coloco sobre a cebola, fatias de fiambre, cogumelos laminados em toda a base, queijo para que derreta sobre todos os ingredientes e polvilho com orégão. 

Bom apetite. 

Nota: Apesar da minha supervisão, esta pizza foi integralmente confecionada pelo meu filho. Deliciosa!

Aqui vai: https://chefemario.blogspot.com/2020/04/pizza-facil-moda-do-pp.html

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2016

Sopa rural destacada em livro



A Sopa Rural, prato finalista da edição de 2014 do concurso nacional de receitas, A Mesa dos Portugueses, da autoria do "Chefe Mário, foi agora selecionada, na categoria de sopas, para a edição de um livro do jornal Correio da Manhã, que junta as dez melhores receitas das três edições deste concurso. 

A Sopa Rural continua a ser um prato apreciado por muitos portugueses que já experimentaram a receita, em particular o Chefe Cordeiro, que a adorou e a selecionou para este novo livro de receitas.

Perdiz brava em tacho de barro




4 perdizes
100 g bacon
½ chouriço preto
2 cebolas
1 cabeça de alho
1 colher de sobremesa de colorau
4 folhas de louro
1 ramo de salsa
2 copos grandes de vinho branco
Sal e pimenta q.b.
1 malagueta
Tomilho
Segurelha
Azeite e banha

Limpe bem as perdizes (por serem de caça, é preciso ter cuidado com os bagos de chumbo), lave-as e corte-as em quatro partes. Tempere com sal, pimenta, vinho branco, colorau, louro, salsa, alho e deixe a marinar de um dia para o outro.

Faça um refogado com as cebolas picadas, os restantes alhos, o azeite, a banha, o chouriço preto cortado às rodelas e o bacon cortado aos bocados. Num tacho de barro, leve a alourar em lume brando. Junte as perdizes e mexa bem para elas ficarem bem coradinhas. Adicione o tomilho, a segurelha, a malagueta e um pouco da marinada (com os respetivos temperos).

Deve cozinhar lentamente até a carne estar macia. Acompanhe com arroz branco, um bom pão caseiro e um encorpado tinto alentejano.


Nota: Receita finalista (8.º lugar) do concurso nacional de receitas, A Mesa dos Portugueses 2015. 

Perdiz brava em tacho de barro fica no TOP TEN



Mário Gonçalves, que voltou a participar no concurso nacional de receitas, A Mesa dos Portugueses, edição de 2015, foi à final nacional e conseguiu um honroso 8.º lugar, em mais de 800 participações.

O "Chefe Mário" parece ter deliciado o júri no show cooking, no Parque das Nações, em Lisboa, com a sua fabulosa Perdiz Brava em Tacho de Barro. 

Além do prémio de 450 euros (que é o que menos importa), o amante da cozinha regional portuguesa viu a sua receita ser destacada na edição de 4 de fevereiro de 2016 do jornal Correio da Manhã.

sexta-feira, 23 de outubro de 2015

Mário Gonçalves na final nacional do concurso A Mesa dos Portugueses 2015

Mário Gonçalves volta a estar na final nacional do concurso nacional de receitas A Mesa dos Portugueses.

Nesta edição de 2015, o "chefe Mário" apresentou, no show cooking do edifício Teka do Parque das Nações, no passado dia 21 de outubro de 2015, uma prato de caça. Tratou-se da sua "Perdiz Brava em Tacho de Barro".

A receita será brevemente colocada aqui.












segunda-feira, 21 de setembro de 2015

Polpa de tomate à Gaspar


5 kg de tomate
1 cebola
5 dentes de alho
Azeite
Manjericão
Tomilho
Orégãos
1 pacote de açúcar

Aproveitando as duas caixas de tomates que o meu amigo Gaspar (Daí o nome do prato) me oferece, gentilmente, todos os anos por esta altura, aproveitei para me lançar na aventura de fazer polpa de tomate para alguns dos meus pratos.

Comece por refogar a cebola e os dentes de alho picados no azeite. Junto os tomates cortados aos quartos e deixe cozer. Vá misturando até que os tomates comecem a libertar a pele e as sementes. Passe o mix e de seguida pelo chinês. Coloque todo o concentrado novamente numa panela e tempere com o sal, a pimenta, o manjericão, o tomilho e os orégãos. Se achar que a polpa está um pouco ácida, adicione o pacote de açúcar. Para conservar, deve congelar a polpa.

Poncha de maracujá caseira



10 maracujás
¼ litro Aguardente de cana
Mel
Açúcar amarelo
1 limão
Gelo


Retire a polpa dos maracujás para dentro de um jarro. Adicione o sumo de um limão, a aguardente de cana, o mel a gosto, o açúcar amarelo e misture tudo muito bem com o “caralinho” (pau típico da madeira para mexer as ponchas) ou colher de pau. No fim, junte o gelo picado. 

Luas da terra



1 cebola
Vinagre
Pimenta
Sal
Ervas da Provença

É uma entrada muito boa e muito simples. Foi apresentada no dia 18 de julho, na Taverna do Ginguinha, em Samora Correia, por ocasião do lançamento do meu livro Receitas da Toca – Petiscos e Patuscadas para Amigos.


Basta cortar a cebola em meia lua, temperar com vinagre, pimenta, sal e ervas da Provença.

domingo, 12 de julho de 2015

LANÇAMENTO DIA 18 JULHO - "RECEITAS DA TOCA - PETISCOS E PATUSCADAS PARA AMIGOS"


Trata-se do livro "Receitas da Toca - Petiscos e Patuscadas para Amigos", publicado e posto à venda esta semana pela editora PortugalMundo.
O Lançamento será no dia 18 de julho (sábado), a partir das 16 horas, no restaurante Taverna do Ginguinha, em Samora Correia.
O livro será apresentado pelo Chefe Vitorino Tavares, autor do prefácio.
___
Sinopse:

No meio do campo, algures no Ribatejo rural, onde os pássaros ainda cantam com alegria, é para os amigos e para a família que o autor resolve, sempre que pode, tecer um elegante manto de aromas, sabores, cores e texturas.
Em sua casa, todos os caminhos levam à cozinha. O espaço, designado de Toca da Lebre, é um autêntico refúgio da vida silvestre, onde a mesa centenária da sua avó Francelina e os bancos corridos dançam, diariamente, com tachos, panelas, travessas, pratos e copos de barro.
Da garrafeira, despertam velhas reservas e frescas garrafas ao cheiro de ervas aromáticas e de vermelhas e picantes malaguetas. As personagens principais são quase sempre as mesmas: os animais criados no campo com o melhor que a terra dá, os peixes içados do mar pelo Paulino de Peniche e os suculentos e biológicos legumes da horta caseira da vizinha Maria Rita.
Autor:
Mário Gonçalves nasceu em 1970, junto ao Castelo de Leiria.
Vive atualmente em Foros de Salvaterra. É casado e pai de dois filhos, a Joana e o Pedro.
O professor e jornalista é licenciado em Línguas e Literaturas Modernas – Variante de Estudos Portugueses e Franceses pela Universidade Autónoma de Lisboa e Mestre em Ciências da Educação pela Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade de Lisboa.
Apaixonado há muitos anos pela cozinha e pelos cozinhados, o autor fez recentemente o Curso de Cozinha Regional Portuguesa na Escola Profissional de Salvaterra de Magos e foi um dos finalistas do concurso A Mesa dos Portugueses 2014.
Obras do mesmo autor:
Combater a Desistência na Educação e Formação de Adultos, Chiado Editora, 2012.
Analyse du Conte La Légende de Saint Julien L´Hospitalier, Edilivre, 2015

segunda-feira, 23 de março de 2015

SOPA RURAL SELECIONADA PARA O LIVRO DO CORREIO DA MANHÃ



A Sopa Rural da autoria de Mário Gonçalves (Chefe Mário), um dos pratos finalistas do concurso A Mesa dos Portugueses 2014, foi selecionada para o Livro de Sopas, publicado pelo jornal Correio da manhã.

Aliás, este pitéu do campo foi também um dos pratos escolhidos para ilustrar a contracapa do referido livro.

segunda-feira, 5 de janeiro de 2015

Queijo Camembert grelhado


1 queijo Camembert
Azeite
Oregãos
Pimenta

Deve começar por cortar o queijo na lomgitudinal para que grelhe mais eficazmente. Aqueça depois uma chapa e salpique-a com azeite. Coloque o queijo na chapa quente e vire-o várias vezes até este ficar grelhado. Retire o queijo, corte-o em quatro e salpique-o de azeite. Ttempere, de ambos os lados, com oregãos e pimenta a gosto.

terça-feira, 28 de outubro de 2014

Febras em pau de loureiro




Febras
Alhos
Massa de pimentão
Vinho branco
Sal
Louro
Manteiga de alho


Corte as febras na longitudinal e tempere-as com o vinho, o sal, o louro, o alho e a massa de pimentão. Corte uns pauzinhos de loureiro em forma de espeto e coloque as febras (ver imagem). Depois de as grelhar, derreta a manteiga de alho e barre a carne. 

segunda-feira, 27 de outubro de 2014

Leitão no forno a lenha


1 leitão
1 cabeça de alho
Banha
Sal
Louro

Faça uma massa, envolvendo o alho picado, o sal, o louro e a banha. Corte o leitão em pequenos pedaços e unte a carne com este preparado. Coloque no fundo de um tabuleiro uns paus de loureiro para evitar que a carne fique em contacto com a gordura do assado. Para que a carne fique mais crocante, os pedaços do leitão devem ficar com a pele virada para cima.

quarta-feira, 22 de outubro de 2014

CHEFE MÁRIO É FINALISTA DO CONCURSO "A MESA DOS PORTUGUESES 2014"







Mário Gonçalves é um dos finalista do concurso "A mesa dos portugueses" 2014. O "Chefe Mário" apresentou, no Parque das Nações, em Lisboa, no dia 15 de outubro de 2014, ao grande júri, presidido pelo Chefe Cordeiro, a sua Sopa Rural (receita já aqui publicada).



Saiba tudo em: http://www.amesadosportugueses.pt/ehome/index.php?eventid=96626&amp

sábado, 6 de abril de 2013

Batata recheada com bacon



Escolha umas batatas grandes, lave-as bem, faça-lhe uns furos com o garfo para não rebentarem, coloque-as num prato (cobertas com película de plástico) e leve-as ao micro-ondas para cozerem durante cerca de 15 minutos (900 w). Vire as batatas a meio do tempo. 

Deixe arrefecer um pouco e faça um corte na horizontal como se tivesse a tirar uma tapa à batata. Retire com a ajuda de uma colher o seu interior (puré). Tenha algum cuidado para não estalar a casca. 

De seguida, refogue o bacon cortado aos bocadinhos em cebola picada, azeite e sal. Misture à batata, mexa bem, tempere com um pouco de pimenta, adicione um pouco de manteiga e coloque o preparado dentro da batata. Cubra com queijo parmesão ralado e leve ao formo para gratinar durante 5 minutos.